Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

EB1 do Pinheiral

Este espaço vai servir para publicar alguns trabalhos feitos pelos alunos e divulgar atividades realizadas na EB1 do Pinheiral - Caldas das Taipas.

EB1 do Pinheiral

Este espaço vai servir para publicar alguns trabalhos feitos pelos alunos e divulgar atividades realizadas na EB1 do Pinheiral - Caldas das Taipas.

 POEMA

                                               DIREITOS DA CRIANÇA

 

               

Não importa a raça

O sexo e a cor

Todas as crianças do Mundo

Precisam de ter muito amor.

 

 

Para que se sinta bem

Deve ter uma família

Precisa de ser protegida

Dos perigos da vida.

 

Há línguas diferentes

Religiões também

O que vale é a amizade

E não interessa a nacionalidade.

 

 

Todas as crianças

Necessitam de uma habitação

Têm direito a crescer com saúde

E ter uma boa alimentação.

 

 

Mesmo com deficiência

A criança tem direitos

A estudar e a brincar

E na sociedade se integrar.

Trabalho colectivo

3º ANO - TURMA 5

 

 

 

 

TEXTO COLECTIVO

UMA FOLHINHA TEIMOSA

 

Estávamos no Outono. A tarde estava amena e reparámos numa árvore que só tinha uma folha. As suas irmãs já se tinham soltado dos ramos da árvore. Por mais que o vento soprasse e a chuva tombasse, aquela folhinha teimava em não se separar da sua querida mãe.

Nessa mesma tarde, um passarinho esvoaçava sobre a árvore e reparou nessa folha solitária. Imediatamente se aproximou dela e começaram a conversar.

A folha contou tudo que se passou, ao passarinho. Disse-lhe que tinha medo de cair e se magoar. O passarinho encorajou-a a descer da árvore. Para a ajudar, o passarinho pegou nela com o bico e pousou-a suavemente no chão.

Nesse momento folhinha sentiu-se feliz, alegre e livre.

Os dois ficaram amigos e a folhinha não esqueceu de lhe agradecer.

Finalmente a folhinha foi juntar-se às suas irmãs.

 

TURMA E5 - 3º ANO
03 Nov, 2009

O Halloween

O Haloween é um nome original da língua inglesa. Rapidamente se conclui que o termo «Dia das bruxas» não é utilizado pelos povos da língua inglesa, sendo essa uma designação apenas dos povos de língua portuguesa.

         A celebração do halloween tem duas origens que se misturam ao longo dos tempos: a origem pagã e a origem católica.

         Na origem pagã faziam-se festejos que duravam uma semana. A «festa dos mortos» era uma das datas mais importantes. O lugar dos mortos era um lugar de felicidade perfeita, onde não havia fome nem dor.

         Na origem católica talvez se quisesse eliminar os costumes da origem pagã. Fazia-se a festa em honra de Todos os Santos.

         Actualmente a festa do halloween nada tem a ver com as suas origens. Transformou-se num costume de «disfarces» e de doçarias e travessuras.

 

TRABALHO DE PESQUISA

TURMA E5

3º ANO



Pág. 2/2