Terça-feira, 29 de Dezembro de 2009

A escola deseja a toda a comunidade escolar um Bom Ano 2010!

publicado por EB1 do Pinheiral - Taipas às 23:21

Quarta-feira, 23 de Dezembro de 2009

 

 

publicado por EB1 do Pinheiral - Taipas às 16:55

Terça-feira, 22 de Dezembro de 2009

 

 

publicado por EB1 do Pinheiral - Taipas às 00:27

Quinta-feira, 17 de Dezembro de 2009

 

 

publicado por EB1 do Pinheiral - Taipas às 14:23


 

 

 

publicado por EB1 do Pinheiral - Taipas às 14:19

Segunda-feira, 14 de Dezembro de 2009

mmdez2005-f27.jpg

mmdez2005-f28c.jpg


O povo brasileiro, sobretudo no interior, celebra o nascimento de
Cristo no dia de Natal e ao longo de logo de doze dias, isto é, até ao
dia de Reis. Nesses dias acontecem danças, desfiles e espectáculos,
muitos bonitos.
Aqui lembramos as mais conhecidas festas: festa das Pastorinhas e a
festa da Folia dos Reis.
Na festa das pastorinhas, normalmente são as crianças que se vestem de
anjos, pastores, estrelas, estações, sol e lua, noite e pessoas
humildes.
Visitam os presépios das casas das pessoas e cantam canções para
lembrar a visita à gruta Belém para adorar o Menino Jesus.
A festa da Folia dos Reis é uma procissão que lembra a viagem dos reis
magos à procura da gruta do Menino Jesus para lhe dar os presentes.
Esta procissão tem pelo menos doze músicos. Partem cantando, no dia de
Natal. Levam uma bandeira, um estandarte da folia, toda decorada com
imagens de santos ou um quadro de madeira, com a representação da
adoração dos magos. Visitam casas de amigos, cantando durante a noite
e dormindo onde podem. Tocam vários instrumentos.
Os donativos que conseguem arranjar são entregues na igreja, no dia de
Reis, onde termina a romaria.
Ainda hoje, as Folias de Reis são realizadas em S. Paulo, Paraná, Mato
Grosso do Sul, Minas Gerais, Espírito Santo e Rio de Janeiro.


Trabalho colectivo
Grupo 2: Eduarda, José Paulo, Nuno, Bruno e Gonçalo.


EB1 Pinheiral
Turma 3º E5
Prof. Conceição Oliveira
Pesquisa realizada em:
http://www.pime.org.br/mundoemissao/culturacultradicoes.htm
publicado por EB1 do Pinheiral - Taipas às 23:35


Texto colectivo

O Natal

 

Estamos em Dezembro, mês de Natal. O tempo esta mais frio, o que é próprio desta época.

Nesta altura, há mais alegria, paz, compreensão, amor, amizade e harmonia entre as pessoas.

No Natal, comemora-se o nascimento do Menino Jesus. Nas nossas casas, fazemos o presépio e enfeitamos o pinheiro com bolas coloridas, luzes de várias cores e outros adornos.

Na véspera de Natal, as famílias reúnem-se à volta da mesa para comerem a consoada: batatas cozidas com bacalhau e couves.

Quando chega a meia-noite, dizemos que é hora do Pai Natal trazer os presentes. Todos ficamos curiosos e ansiosos em saber o que está lá dentro.

No Natal todos nos sentimos felizes porque é maravilhoso estar com a família.

 

TEXTO PASSADO POR MANUEL

               
publicado por EB1 do Pinheiral - Taipas às 23:29


Trabalho colectivo

 

A nossa consoada

 

Aproxima-se a véspera do Natal, dia 24 de Dezembro.

As famílias reúnem-se para comerem a ceia de Natal. Há uma grande agitação para se fazerem os preparativos desta festa tão especial.

O prato típico é batatas cozidas com bacalhau e couves. Também comemos deliciosas sobremesas: rabanadas, mexidos, aletria, sonhos, filhoses, bolo-rei, tronco de Natal e há quem coma outras variedades de doces. É nesta ocasião que comemos várias fantasias de chocolate e alguns frutos secos: pinhões nozes e uvas passas.

À meia-noite comemora-se o nascimento do Menino Jesus e aguardamos ansiosamente a chegada do Pai Natal que nos traz os desejados presentes.

Que bom é estarmos família na noite de consoada!

 

 

TRABALHO PASSADO POR PEDRO

 

 
publicado por EB1 do Pinheiral - Taipas às 23:28



 

 

No passado dia 3 de Dezembro comemorou-se o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência. É importante chamar a atenção de todos para este dia.
Muitas vezes esquecemos das dificuldades que estas pessoas infelizmente sentem. Devemos ajudá-las para construir um mundo melhor!


Alunos do 4º I (9)

 

publicado por EB1 do Pinheiral - Taipas às 11:35


Encontrei uma preta

que estava a chorar,

pedi-lhe uma lágrima

para a analisar.

 

Recolhi a lágrima

com todo o cuidado

num tubo de ensaio

bem esterilizado.

 

Olhei-a de um lado,

do outro e de frente:

tinha um ar de gota

muito transparente.

 

Mandei vir os ácidos,

as bases e os sais,

as drogas usadas

em casos que tais.

 

Ensaiei a frio,

experimentei ao lume,

de todas as vezes

deu-me o que é costume:

 

Nem sinais de negro,

nem vestígios de ódio.

Água (quase tudo)

e cloreto de sódio.

 

António Gedeão 

publicado por EB1 do Pinheiral - Taipas às 11:34


contador 2
Free counter and web stats
Morada da escola

eb1dopinheiral@gmail.com

-

Escola do Pinheiral

Rua da Banda de Música

4805-091 Caldas das Taipas

-

-

-

-

-

Penedo da Moura

 -

-

-

-

 

Seguranet


 

Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
15
16
18
19

20
21
24
25
26

27
28
30
31


Últ. comentários
Que lindo que ficou !! devia de estar uma delicia ...
eo melhor poema que eu ja pesquisei parabens
Do Pai NatalOlá Catarina :)Parabéns ! Continua ass...
Está muito bonito!!! Tem criatividade a Margarida!...
Excelente projecto. Como diz o ditado " Mais vale ...
Olá, Leonor!Hoje ainda não te posso dar informaçõe...
POSSO SABER QUANDO É A APRESENTAÇÃO DOS ALUNOS DO ...
Posso saber quando é a apresentação dos meninos do...
Parabéns!!!! Participar em iniciativas diferentes ...
que giro o nosso setor de HGP a ensinar aos aluno...
Parabéns Filipa e Pedro aposto que leram muito bem...
Eu estive presente e foi realmente muito bonito!!!...
Que chique, com os seus alunos prontos a jogar fut...
Boa noite. A apresentação da peça de teatro será f...
Bela iniciativa esta de divulgação, bem como a da ...
Concordo com os seus alunos Professor Aquilino, é ...
5x6=306x7=427x8=568x9=72Francisca Silva 4J
professor Aquilino o vaso ficou um espectáculo, se...
Professor Aquilino o vaso ficou um espectáculo, se...
5x6=306x7=427x8=568x9=72
pesquisar
 
Visitantes
Locations of visitors to this page